MEMÓRIA

FAB lamenta falecimento do escritor e jornalista Cosme Degenar

O escritor e jornalista foi autor de diversos livros que consagram a história e personalidades da FAB
Publicado: 16/05/2018 15:30
Imprimir
Fonte: Agência Força Aérea, por Tenente Raquel Alves
Edição: Agência Força Aérea, por Ten Emília Maria - Revisão: Cap Oliveira

A Força Aérea Brasileira lamenta o falecimento do escritor Cosme Degenar Drumond. O jornalista faleceu nesta quarta-feira (16/05) em Recife (PE).

O velório está sendo realizado no Real Hospital Português, em Recife, e o sepultamento acontece na sexta-feira (18), no Cemitério Parque dos Pinheiros, em São Paulo (SP).

O jornalista e escritor integrou a equipe que organizou o Museu Aeroespacial da Força Aérea Brasileira (MUSAL), no Campo dos Afonsos (RJ) onde teve contato com o acervo de correspondências de personalidades como Alberto Santos Dumont.

Também foi autor de diversos livros que consagram a história e personalidades da Força Aérea como:  Salgado Filho - o Ministro dos Trabalhadores e dos Aeronautas; O Brigadeiro Eduardo Gomes - Trajetória de Um Herói; Asas do Brasil: Uma História que Voa Pelo Mundo; Asas da Solidariedade - História e histórias do Correio Aéreo Nacional; Alberto Santos-Dumont - Novas revelações; O Museu Aeroespacial Brasileiro; Indústria de defesa do Brasil - história, desenvolvimento e desafios.

Biografia

Cosme Degenar Drumond nasceu no Rio de janeiro, em 1947. Formou-se em Recursos Educativos em Museus pelo Museu Histórico Nacional e iniciou a carreira no então Ministério da Aeronáutica, como redator no período 1974-1983. Integrou a equipe que organizou o Museu Aeroespacial da Força Aérea Brasileira (MUSAL), inaugurado em outubro de 1976. Desde 1983, atuou na imprensa especializada na área de defesa, cobrindo eventos no Brasil e em diversos países, como Chile, França, Inglaterra e Grécia.

O escritor e jornalista recebeu o Premio Santos-Dumont de jornalismo, iniciativa do Instituto Histórico-Cultural da Aeronáutica (INCAER). Atuou como entrevistador do programa Roda Viva, da TV Cultura (Fundação Padre Anchieta), criou o programa radiofônico A Defesa em Destaque, na Rádio Capital, de São Paulo, onde residia. Era membro honorário da Academia Santos-Dumont da Argentina e membro convidado do Departamento da Indústria de Defesa (Comdefesa) da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Recebeu do Comando da Aeronáutica a Medalha Mérito Santos-Dumont e a Ordem do Mérito Aeronáutico, nos graus de Cavaleiro e de Oficial; do Comando do Exército, recebeu a Medalha do Pacificador; e do Comando da Marinha, a Medalha Mérito Tamandaré.

Em entrevista concedida à Rádio FAB, em setembro de 2017, o escritor contou um pouco da trajetória e curiosidades da vida do Marechal Eduardo Gomes, personagem do livro "O Brigadeiro Eduardo Gomes - trajetória de um herói".

Foto: Sgt Johnson Barros/CECOMSAER

Clique aqui e ouça a entrevista.