PÁGINA INICIAL > NOTICIAS > IMPRIME > 38180 > SA��DE SISAU LAN��A SISTEMA DE TELEMEDICINA

SAÚDE

SISAU lança sistema de Telemedicina

Publicado: 2021-11-11 16:53:59
Usuários do Sistema de Saúde da Aeronáutica (SISAU) poderão utilizar a Telemedicina para marcação de consultas

Pensando no bem-estar, conforto e segurança dos beneficiários, o Sistema de Saúde da Aeronáutica (SISAU) vem oferecendo uma nova forma de atender o paciente, incorporando a tecnologia à Medicina.

No dia 03 de novembro, foi inaugurado o Sistema de Marcação de Consultas da Força Aérea Brasileira (FAB), que oferece atendimento virtual para o agendamento de teleconsultas. A nova plataforma permite que os beneficiários do SISAU façam consultas online de qualquer lugar, cidade ou país que estejam. Essa é a nova realidade que a Telemedicina oferece. Por meio do celular, tablet ou computador, o paciente tem acesso digital aos diversos serviços e aos profissionais de saúde do SISAU, com toda segurança e comodidade.

O agendamento virtual de teleconsultas está disponível, inicialmente, apenas no Hospital Central de Aeronáutica (HCA) e, em breve, será disponibilizado para as demais Organizações de Saúde da Aeronáutica. A iniciativa foi uma parceria entre a Diretoria de Saúde da Aeronáutica (DIRSA), a Diretoria de Administração do Pessoal (DIRAP), a Diretoria de Tecnologia da Informação da Aeronáutica (DTI) e o Centro de Computação da Aeronáutica do Rio de Janeiro (CCA-RJ).

Para agendar a teleconsulta, basta acessar a página do Sistema de Tecnologia da Informação (STI), pelo menu lateral Marcação de Consultas, usando login (número do CPF) e senha. Na sequência, clicar na opção Marcar Consultas, selecionar a Organização de Saúde, a especialidade desejada, o dia, o horário, digitar o nome do paciente e confirmar. Para marcar a teleconsulta é necessário aceitar o Termo de Consentimento que é solicitado apenas no primeiro acesso. Por fim, deve-se confirmar o e-mail de cadastro para que o agendamento seja concluído e as informações sobre a consulta sejam enviadas. Clique aqui para acompanhar o passo a passo completo.

O Diretor de Saúde da Aeronáutica, Major-Brigadeiro Médico Walter Kischinhevsky, destaca que a Telemedicina chegou na FAB, há cerca de um ano, impulsionada pela necessidade e pela existência da Pandemia da COVID-19 para oferecer mais uma opção de cuidado aos beneficiários. "O acesso é rápido e seguro aos serviços de saúde. Foram realizadas adequações nos processos para garantir a disponibilidade e qualidade dos atendimentos, bem como investimento em novas tecnologias e em infraestrutura de Tecnologia de Informação (TI), para manter a segurança das informações dos pacientes e dos profissionais de saúde", destaca.

Apesar da Telemedicina não ser tão recente, a modalidade só foi regulamentada pelo Ministério da Saúde em março de 2020. A ideia surgiu para ampliar a oferta de serviços e auxiliar no combate à COVID-19. A criação do serviço só foi possível graças à utilização do prontuário único, que vem sendo implantado no Aplicativo de Gestão Hospitalar (AGHUse) desde 2016. O objetivo desse método é facilitar o acesso do paciente ao profissional, permitindo que o paciente acompanhe seus tratamentos nas Organizações de Saúde da Aeronáutica.