CARREIRA

Academia da Força Aérea realiza solenidade de entrega de espadins a 199 cadetes

Tradicional cerimônia aconteceu com novo formato, em atenção às medidas de prevenção à COVID-19
Publicado: 10/07/2020 19:29
Imprimir
Fonte: AFA, por Tenente Inforzatto
Edição: Agência Força Aérea, por Tenente Bueno e Tenente Flávia - Revisão: Tenente-Coronel Santana

A Academia da Força Aérea (AFA) realizou, na manhã desta sexta-feira (10), em Pirassununga (SP), a solenidade de entrega de espadins a 199 novos cadetes, integrantes do Primeiro Esquadrão, que ingressaram na AFA no início de 2020. A cerimônia foi presidida pelo Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, acompanhado do Comandante da AFA, Brigadeiro do Ar Ramiro Kirsch Pinheiro.

Estavam presentes no evento, ainda, o Chefe do Estado-Maior da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos Augusto Amaral Oliveira; o Comandante de Operações Aeroespaciais, Tenente-Brigadeiro do Ar Jeferson Domingues de Freitas; o Comandante-Geral de Apoio da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Carlos de Almeida Baptista Junior; o Secretário de Economia, Finanças e Administração da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Marcelo Kanitz Damasceno; o Comandante-Geral do Pessoal da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Luis Roberto do Carmo Lourenço; o Diretor-Geral do Departamento de Controle do Espaço Aéreo, Tenente-Brigadeiro do Ar Heraldo Luiz Rodrigues; o Chefe de Logística e Mobilização do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Tenente-Brigadeiro do Ar João Tadeu Fiorentini; o Diretor de Ensino da Aeronáutica, Major-Brigadeiro do Ar Marcos Vinicius Rezende Mrad; Comandantes, Chefes e Diretores de Organizações Militares da Aeronáutica.

O significado do espadim

O espadim é o símbolo do cadete e o acompanha até a conclusão do curso. Nos meses iniciais, a rotina é intensa, envolvendo formação e doutrina militar, bem como o salto de emergência, um dos grandes desafios enfrentados nessa fase.

O Comandante da Aeronáutica falou sobre o compromisso dos 199 cadetes e o significado da cerimônia. "É uma data bastante importante porque marca o início de uma carreira. Após quatro anos, com a declaração de Aspirantes, esses jovens, que hoje ingressam como Cadetes do primeiro ano, recebem a espada de Oficial para os desafios e para cumprirem a missão como Oficiais nas diversas atividades que irão desempenhar na Força Aérea. Como Comandante da FAB, congratulo-me a eles e os parabenizo por terem recebido o espadim de Cadete da Aeronáutica", concluiu o Tenente-Brigadeiro Bermudez.

Segundo o Comandante da AFA, Brigadeiro do Ar Ramiro Kirsch Pinheiro, o espadim representa um importante degrau na formação do Cadete da Aeronáutica. “Esse é o primeiro grande marco da carreira do Cadete como Oficial. O espadim representa coragem, lealdade, honra, dever e Pátria. Isso vai realmente torná-lo um grande Oficial no futuro”, frisou.

A solenidade deste ano foi marcada pelas adequações necessárias à prevenção ao contágio pelo novo Coronavírus. Não houve a presença de convidados e familiares, o uso de máscara foi obrigatório para todos e os Cadetes estavam com espaçamento duplo na formatura. Além disso, o evento foi transmitido on line pelo canal da Academia no YouTube. Ao final, houve, ainda, uma apresentação da Esquadrilha da Fumaça.

“Mesmo diante de um cenário tão sensível como o da atual pandemia, conseguimos adaptar a cerimônia para que tudo ocorresse dentro das normas sanitárias exigidas e também para que nossos cadetes não ficassem sem este importante momento em suas carreiras”, explicou o Comandante do Primeiro Esquadrão, Capitão de Infantaria Fernando Braga Ferrão Galante.

O grupo é composto por 199 cadetes, sendo 134 Aviadores, 42 Intendentes e 18 de Infantaria. Além deles, cinco são oriundos de Nações Amigas: Senegal, República Dominicana, Bolívia, Honduras e El Salvador. A turma recebeu o nome Orthrus, Deus da mitologia grega que era um cão bicéfalo, considerado o cão de guarda mais feroz da antiguidade, tendo uma serpente como cauda.

Segundo o Cadete de Infantaria Guilherme Maciel, a cerimônia foi bastante emocionante. “É importante pra gente receber o espadim porque simboliza tudo que a gente lutou para chegar até aqui. Simboliza tudo o que a gente tem que honrar durante a nossa carreira”, completou.

De acordo com a Cadete Intendente Milena Zambaldi do Nascimento Lara, é uma grande alegria receber o espadim. “Ele indica a superação de muitos desafios e um momento esperado até hoje”, comemorou. 

Já para o Cadete Aviador Octavio de Castro Stallone, receber o espadim é um momento muito esperado por todos os Cadetes. “Temos o espadim como a concretização de se tornar verdadeiramente um Cadete da Força Aérea, que é mais um degrau rumo ao Oficialato”, pontuou.

Fotos: Soldado Anderson Soares/CECOMSAER
Vídeo: Soldado Victor Chagas/CECOMSAER

Confira a matéria em vídeo sobre a cerimônia.

imagens/original/40554/10072020__R5A1835.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1880.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1907.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1909.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1914.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1937.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1938.jpg
imagens/original/40554/10072020__R5A1967.jpg
imagens/original/40554/10072020__SO61849.jpg
imagens/original/40554/10072020__SO61902.jpg